Degravação e 

Transcrição

O primeiro passo para a realizar a Degravação/Transcrição é verificar se o áudio encontra-se audível de início ao fim. Uma análise minuciosa é realizada para tomar ciência sobre o conteúdo da conversa

 

Identificadas a qualidade do áudio e após confirmado dificuldades para realizar a degravação é feito primeiramente um tratamento com vistas a torná-la audivel.

 

Esta etapa do trabalho é a mais complexa tendo em vista que, não é simplesmente aumentar o volume do áudio ou aplicar determinado opção de algum software. Ao contrário, para este trabalho o profissional precisa disposição e perseverança para experimentar diversas alternativas, inclusive poderá utilizar mais de um softaware. O trabalho é mais lento pois terá que mapear aqueles trechos que estariam afetados, seja por barulhos, eco, fala com pouca força dos interlocutores, interferencia de barulhos, etc.

 

É importante destacar que a maioria das pessoas acredita que a transcrição é um trabalho que não requer maiores conhecimentos técnicos. Na verdade, se realizado uma transcrição com ausência de critérios técnicos poderá haver equivocos na transcrição e/ou ainda podem haver distorções seja por erro, equívoco, confusão ou ainda feitos intencionalmente e assim induzir a erro para quem for utilizar ou tomar uma descisão.

É aconselhável que uma transcrição somente seja realizada apór confirmar a integridade do áudio. Ou seja, verificar se o áudio de fato é autêntico e está isento de manipulação, inserção e/ou montagens, caso contrário, ser for realizado uma transcrição de um áudio que foi manipulado poderá ocasionar impactos irreparáveis.

É importante ainda, mesmo que nos trabalhos periciais realizados no ambito da justiça não sejam solicitado, seja realizado um rastreamento visando certificar a origen e o conteúdo do áudio que está sendo analisado.

PERITO GRAFOTÉCNICO BH

Rua Tupis, 185 Sala 803

Centro - Belo Horizonte - Minas Gerais

CEP: 30.190-060

whatsapp-logo-icone-1.png
Contate-nos
  • Ponto-Gif-WhatsApp